J do Mondego as guas aparecem
a meus olhos, no meus, antes alheios,
que, de outras diferentes vindo cheios,
na sua branda vista inda mais crecem.

Parece que tambm foradas decem,
segundo se detm em seus rodeios,
tristes por quantos modos, quantos meios
as minhas saudades me entristecem.

Vida, de tantos males salteada,
Amor a pe em termos que duvida
de conseguir o fim desta jornada;

antes se d de todo por perdida,
vendo que no vai da alma acompanhada,
que se deixou ficar onde tem vida.

 

Luís Vaz de Camões
[JÁ DO MONDEGO AS ÁGUAS APARECEM]
Voltar