É outra vez a música,
é outra vez
a música que me chama,
outra vez esse esplendor
quase animal
que me procura
e comigo se faz alma
ou primeira manhã sobre as areias.

 


In Rente ao Dizer
Eugénio de Andrade
SOBRE AS AREIAS
« Voltar