MOTE ALHEIO

Se alma ver-se no pode
onde pensamentos ferem,
que farei para me crerem?

VOLTAS SUAS

N' alma ũa s ferida
faz na vida mil sinais;
tanto se descobre mais
quanto mais escondida.
Se esta dor to conhecida
me no vem, porque no querem,
que farei para me crerem?

Se se pudesse bem ver
quanto calo e quanto sento,
despois de tanto tormento
cuidaria alegre ser.
Mas, se no me querem crer
olhos que to mal me ferem,
que farei para me crerem?

 

Luís Vaz de Camões
SE ALMA VER-SE NãO PODE
Voltar