Céu alto, que astros revelam
Entre as nuvens que não são
Mais que os nadas que o não velam,
Que sonhos minha alma estrela?
Que noite é o meu coração?

 

23 - 5 - 1934

In Poesia 1931-1935 e não datada , Assírio & Alvim, ed. Manuela Parreira da Silva, Ana Maria Freitas, Madalena Dine, 2006
Fernando Pessoa
« Voltar