Inconsciência da infância! Ah, mas com quanta
Inconsciência igual meus passos vão
Desde a infância ao lugar onde hoje estão
Os fios dos rastos dos meus passos.
19 - 8 - 1930

In Poesia 1918-1930 , Assírio & Alvim, ed. Manuela Parreira da Silva, Ana Maria Freitas, Madalena Dine, 2005
Fernando Pessoa
« Voltar