Coimbra, 18 de Abril de 1968

 

Na frente ocidental nada de novo.
O povo
Continua a resistir.
Sem que ninguém lhe valha,
Geme e trabalha
Até cair.


In Diário IX
Miguel Torga
« Voltar