É facto fornecido pela ciência
(Achei-o em Spencer, que era sábio e lido)
Que não fora o pudor nem a decência
Que fez o homem primeiro ser vestido
Mas que o vistoso houvera antecedência
Ao necessário
Deve ser certo o caso, pois por cá
Modas há muitas mas pudor não há.

 


In Poesia 1931-1935 e não datada , Assírio & Alvim, ed. Manuela Parreira da Silva, Ana Maria Freitas, Madalena Dine, 2006
Fernando Pessoa
« Voltar