Enquanto houver um homem cado de bruos no passeio
e um sargento que lhe volta o corpo com a ponta do p
para ver como ;
enquanto o sangue gorgolejar das artrias abertas
e correr pelos interstcios das pedras,
pressuroso e vivo como vermelhas minhocas despertas;
enquanto as crianas de olhos lvidos e redondos como luas,
rfs de pais e de mes
andarem acossadas pelas ruas
como matilhas de ces;
enquanto as aves tiverem de interromper o seu canto
com o coraozinho dbil a saltar-lhes do peito fremente,
num silncio de espanto
rasgado pelo grito da sereia estridente;
enquanto o grande pssaro de fogo e alumnio
cobrir o mundo com a sombra escaldantes das suas asas
amassando na mesma lama de extermnio
os ossos dos homens e as trevas das suas casas;
enquanto tudo isto acontecer, e o mais que se no diz por
         [ser verdade
enquanto for preciso lutar at ao desespero da agonia,
o poeta escrever com alcatro nos muros da cidade:

                                      ABAIXO O MISTRIO DA POESIA.


In Linhas de Fora
António Gedeão
Voltar