No baile em que dançam todos 
Alguém fica sem dançar. 
Melhor é não ir ao baile 
Do que estar lá sem lá estar.


1934-1935

In Poesia do Eu , Círculo de Leitores, edição de Richard Zenith, 2006
Fernando Pessoa
« Voltar