Meu ser é o centro de tudo.
Sou o universo a pensar.
(Atenção: quero chorar.)
(Prevenção: penso e sou mudo.)
Deram-me um livro de estudo
Feito de não começar.

16 - 3 - 1934

In Poesia 1931-1935 e não datada , Assírio & Alvim, ed. Manuela Parreira da Silva, Ana Maria Freitas, Madalena Dine, 2006
Fernando Pessoa
« Voltar