A D. Leonis Pereira

Vs, Ninfas da gangtica espessura,
cantai suavemente, em voz sonora,
um grande Capito, que a roxa Aurora
dos filhos defendeu da noite escura.

Ajuntou-se a caterva negra e dura,
que na urea Quersoneso afouta mora,
para lanar do caro ninho fora
aqueles que mais podem que a ventura.

Mas um forte Leo, com pouca gente,
a multido to fera como ncia
destruindo castiga e torna fraca.

Pois, Ninfa, cantai; que claramente
mais do que fez Lenidas em Grcia,
o nobre Leonis fez em Malaca.

 

Luís Vaz de Camões
[VÓS NINFAS DA GANGÉTICA ESPESSURA]
Voltar