Tão linda e finda a memoro!
       Tão pequena a enterrarão!
Quem me entalou este choro
       Nas goelas do coração?
25 - 12 - 1931

In Poesia 1931-1935 e não datada , Assírio & Alvim, ed. Manuela Parreira da Silva, Ana Maria Freitas, Madalena Dine, 2006
Fernando Pessoa
« Voltar