A D. Lus de Atade, Vizo-Rei


Que venais no Oriente tantos reis,
que de novo nos deis da ndia o estado,
que escureais a fama que ganhado
tinham os que ganharam a infiis;

que do tempo tenhais vencido as leis,
que tudo, enfim, venais co tempo armado;
mais vencer na ptria, desarmado,
os monstros e as quimeras que venceis.

E assi, sobre vencerdes tanto imigo,
e por armas fazer que, sem segundo,
vosso nome no mundo ouvido seja,

o que vos d mais nome inda no mundo
vencerdes, Senhor, no Reino amigo,
tantas ingratides, to grande enveja!

 

Luís Vaz de Camões
[QUE VENÇAIS NO ORIENTE TANTOS REIS]
Voltar