Um só momento
Sem nada ter...
Um pensamento
Sem se saber...

Pouco... Um acaso
De não pensar,
Como um atraso
De sossegar...

Nada... A ligeira
Indecisão
Que fica inteira
No coração...

10 - 10 - 1933

In Poesia 1931-1935 e não datada , Assírio & Alvim, ed. Manuela Parreira da Silva, Ana Maria Freitas, Madalena Dine, 2006
Fernando Pessoa
« Voltar