Ninguém sabe quando
A tarde teria
Começado a descer


De momento 
                  algumas
Nuvens
Obliteram o sol


O calor sobrevoa
Tudo


Alguém imagina
Que a felicidade existe


Na outra margem
Os reflexos sombrios
                             vêm
De cada vez mais longe

 


Londres, 19 de Junho 98

In Horizonte
Alberto de Lacerda
« Voltar