um dos teus mais bonitos sorrisos
este Inverno
entornado nas areias.
Entrou pela varanda
com a espuma das vozes infantis.
E com os gatos dos telhados
no tardar a partir.

In O peso da Sombra
Eugénio de Andrade
[É UM DOS TEUS MAIS BONITOS SORRISOS]
Voltar