MOTE

Esperanas mal tomadas,
agora vos deixarei
to mal como vos tomei.

VOLTAS

Fostes tomadas em vo
de mim e sem fundamento.
Vs reis todas de vento,
e eu dele vivia ento.
Se vos tomei sem razo,
com ela vos deixarei
to mal como vos tomei.

Assim vos queria ter
sem razo e mal tomadas
sabendo, quando deixadas,
quanto haveis de doer.
Mas nem isto pode ser,
que por meu mal vos tomei
e por vs me deixarei.

Quereis que faa mudana!
De vs outro bem no entendo.
Isto s se ganha em vos vendo;
isto s de vs se alcana.
Mas esta v esperana,
Senhora, se eu a tomei
por vs, como a deixarei?

 

Luís Vaz de Camões
[ESPERANÇAS MAL TOMADAS]
Voltar