Passo e amo e ardo.
Água? Brisa? Luz?
Não sei. E tenho pressa:
Levo comigo uma criança
que nunca viu o mar.

In Mar de Setembro
Eugénio de Andrade
QUASE NADA
« Voltar