CANTIGA ALHEIA

Se me desta terra for,
eu vos levarei, amor.

VOLTAS SUAS

Se me for e vos deixar
(ponho, por caso, que possa),
esta alma minha, que vossa,
convosco me h-de ficar.
Assi que s por levar
a minh' alma, se me for,
vos levarei, meu amor.

Que mal pode maltratar-me
que convosco seja mal?
Ou que bem pode ser tal
que sem vs possa alegrar-me?
O mal no pode enojar-me;
o bem me ser maior
se vos levar, meu amor.
 


MOTE ALHEIO

Se me levam guas,
nos olhos as levo.

GLOSAS PRPRIAS

Se de saudade
morrerei ou no,
meus olhos diro
de mim a verdade.
Por eles me atrevo
alcanar as guas
que mostrem as mgoas
que nesta alma levo.

As guas que em vo
me fazem chorar,
se elas so do mar
estas d'amar so.
Por elas relevo
todas minhas mgoas;
que, se fora d'guas
me leva, eu as levo.

Todas me entristecem,
todas so salgadas;
porm as choradas
doces me parecem.
Correi, doces guas,
que, se em vs m'enlevo,
no doem as mgoas
que no peito levo.
 

 

Luís Vaz de Camões
[SE ME DESTA TERRA FOR]
Voltar